as horas extraordinárias

«bem fiz em ter por necessárias as horas extraordinárias.», sérgio godinho

um vídeo por dia, nem sabe o bem que lhe fazia. #22

with 2 comments

Faltam poucas voltas para termos o novo disco de Tiago Guillul. Ainda, mais volta menos volta, o futebol está de volta às totalidades dos noticiários com o Mundial de África do Sul. Até lá, misturamos tudo isto, e espreitamos o novo teledisco de Guillul, onde cabem: as velhas cadernetas de cromos de Futebol, um anúncio a Sunquick, as figuras de sempre da editora (Jorge Cruz, Guel e Samuel Úria) e até o Joaquim Albergaria (ex-The Vicious Five/PAUS).

Tirem-me o feeling dos Black Eyed Peas: é que já temos aqui a música para a seleccção. Material intemporal e do bom.

[ Vídeo: “São sete voltas p’rá muralha cair”, por Tiago Guillul ]

Anúncios

Written by Cláudio Vieira Alves

15/03/2010 às 20:36

2 Respostas

Subscribe to comments with RSS.

  1. Pensei que não gostavas dessas “coisas do futebol”… 🙂

    Pedro Vilas-Boas

    17/03/2010 at 22:15

    • Uma coisa é uma coisa, e outra coisa é outra coisa. Futebol é uma. Mundial é outra.
      Assim como Black Eyed Peas é uma coisa. E Nelly Furtado é outra.
      E “sete voltas p’rá muralha cair” era do caraças como música/hino da seleccção. 🙂

      Um abraço.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s