as horas extraordinárias

«bem fiz em ter por necessárias as horas extraordinárias.», sérgio godinho

um vídeo por dia, nem sabe o bem que lhe fazia. #16

leave a comment »

O YouTube — a verdadeira TV do povo — está pejado de vídeos humorísticos. Anúncios, sketchs, imagens da vida real, histórias que não eram para ser humor mas que, bem vistas as coisas, o são. E isto só para enumerar alguns exemplos. Enfim, são muitos pequenos-segundos de frames animados cuja visualização, num ou noutro caso, acaba por viciar e ao longo de dias — semanas, até! — repetimos. Fazemo-lo, repetindo uma e outra vez, por motivos nem sempre relacionados com a qualidade do conteúdo, mas porque ficamos (estranhamente) viciados.

Esta pequena adaptação de um velho refrão de Eric Carmen — e que  Céline Dion tanto cantou — é, para mim, um desses casos. 18 segundos valiosos por dois motivos: torna uma música famosa pelo refrão num simpático pedaço de humor; e desconstrói um dos principais refrões da história das baladas pop. Nunca mais será possível ouvir “All By Myself” como se fosse essa a frase chorada no refrão. Estes são 18 segundos que entram directamente na categoria “trocadalho do carilho” em versão 2.0.

[ Vídeo: “Obama’s Elf” ]

Anúncios

Written by Cláudio Vieira Alves

21/01/2010 às 21:56

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s