as horas extraordinárias

«bem fiz em ter por necessárias as horas extraordinárias.», sérgio godinho

do filme avatar, sopram excelentes imagens…

with 2 comments

… mas uma péssima banda sonora. Se é verdade que os batuques tribais remetem para um ambiente Pocahontas desnecessário, é ainda mais verdade que há uma música a cortar os créditos finais digna das piores. Das piores de todas as músicas da história das bandas sonoras cinematográficas.

[ Vídeo: “I see you”, por Leona Lewis ]

Sejamos honestos: nem a Celine Dion conseguiria fazer uma coisa, assim, tão má.

Anúncios

Written by Cláudio Vieira Alves

28/12/2009 às 14:48

Publicado em cinema, música

Tagged with , ,

2 Respostas

Subscribe to comments with RSS.

  1. A questão é mesmo essa: eu acho q a musica do fim é em tudo igual à do Titanic… Filme mto bom tecnicamente, historia de merda, diálogos de merda, banda sonora de merda a dobrar…

    abraço e bom ano

    Freddy

    31/12/2009 at 01:46

    • Para mim, esta música é pior que a do Titanic. Mesmo tal sendo díficil.

      O filme é tecnicamente notável. Quanto à previsibilidade da história ou o seu nível acredito que, por muito mau que possa ser — e eu não o achei, assim, tão mau —, merda é capaz de ser exagerado. 🙂

      Um forte abraço, Frederico. E um grande ano, pois, claro.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s