as horas extraordinárias

«bem fiz em ter por necessárias as horas extraordinárias.», sérgio godinho

uma potencial, e moderna, feira popular para o porto.

leave a comment »

Estou, pessoalmente, em absoluta concordância com um projecto da envergadura que o executivo da autarquia do Porto pretende levantar e propôr: a construção de um parque de diversões temático em Campanhã. Um parque grande, de 20 a 30 hectares, apresenta dois benefícios: reabilitação de uma zona desta freguesia que se encontra abandonada; atracção de turismo (com a inerente criação de emprego) para o concelho.

Isto, claro, desde que preservados e previstos os direitos sociais e civis (não entregando, por isso, numa bandeja o património público a privados) do município. O início da reabilitação também se pode fazer, de uma forma estruturada e com benefícios para esta cidade, com a construção de uma “Cidade das Diversões”. Mas temos muito mais a fazer neste capítulo de reabilitação, se pretendemos redesenhar a cidade do Porto para serviços e para atracção de turismo. E é bom que se perceba, de uma vez por todas, que por muito que o espectáculo fosse bom, a reabilitação está longe de serem os sazonais aviões da Red Bull. Passará, provavelmente, pelo aproveitamento de aviões. Mas outros — como a base área da Ryanair inaugurada, no Aeroporto Francisco Sá Carneiro, a 3 de Setembro.

Anúncios

Written by Cláudio Vieira Alves

16/12/2009 às 11:51

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s